Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

GRAMOFONE

às voltas com os discos às voltas.

GRAMOFONE

às voltas com os discos às voltas.

Banco de Gaia joga novo trunfo.

Um dos nomes com maior longevidade na cena electrónica é sem dúvida a aventura assinada por Toby Marks, espraiando já a sua discografia por duas décadas e meia.

O álbum The 9th of Nine Hearts sairá apenas em Outubro, mas o primeiro single já foi publicado.

_.jpg

O avanço do disco, Le Foucauld, revela-se uma trip por ambientes sónicos orientais, sempre em ritmo dançante. O single contém igualmente um par de remixes do mesmo tema.

 

Charles Bradley desfaz período sabático.

O vozeirão de Charles Bradley regressa sob a forma de novo álbum, após o badalado Victim of Love, de 2013.
O novo disco denomina-se Changes, nome fotocopiado de um dos grandes sucessos de Black Sabbath, cujo tema é replicado neste trabalho pelo próprio.

_.jpg

O disco chegou ontem às lojas e é mais um rol de canções a fervilhar de emoção deste verdadeiro showman.

 

O encontro de Konono No.1 e Batida em Lisboa.

No final do mês chega o resultado do encontro entre os Konono No.1 e os Batida, que ocorreu no estúdio lisboeta destes últimos. 

O conjunto congolês pertence à tribo Bakongo, que habita perto da fronteira com Angola (embora a banda viva actualemente em Kinshasa), país que por sua vez inspira todo o universo do projecto encabeçado por Pedro Coqueñao.

_.jpg

 Nesta mistura frenética, entre as raízes e os ritmos electrónicos inspirados em África, participaram também Selma Uamusse, Papa Juju dos Terrakota, entre outros.

 

 

Adam Green é o génio por trás de Aladdin.

 

Além da sua carreira musical, Adam Green parece empenhado em apostar na sua veia cinematográfica.

Aladdin será o segundo filme lançado pelo songwriter com alto pendor humorístico, que em tempos compôs o duo Moldy Peaches, ao lado de Kimya Dawson.

O filme contará com outras figuras do mundo da música, como Regina Spektor ou Andrew do duo MGMT.

_.jpg

 

Claro está que Adam Green não deixou a criatividade por mentes alheias e assina igualmente a banda sonora de Aladdin, que será lançada no decorrer de Abril, à imagem do filme.

The Heavy, crus e nus.

Sai hoje o novíssimo álbum de The Heavy, sob o título Hurt & The Merciless.

Trata-se do quarto disco da carreira deste colectivo britânico, que continua a fazer  poderosos  cocktails misturando rock e todos os tipos de música negra.

_.jpg

O álbum foi produzido pela própria banda, com o intuito de captar ao máximo a pujança do seu som.

Pág. 5/5